Esfoliante para o rosto: como usar e com qual frequência

Esfoliante para o rosto: como usar e com qual frequência

Quanto se trata de esfoliante para o rosto, muita gente fica com dúvidas.

Como usar o esfoliante, quantas vezes na semana fazer uma esfoliação, para que serve e quais os melhores produtos?

Certamente, se você é uma dessas pessoas que ainda tem dúvidas se vale a pena aderir à esfoliação, chegou a hora de saber tudo sobre o tema!

Hoje trazemos respostas às principais dúvidas sobre esse assunto e, é claro, daremos também a nossa dica dos melhores esfoliantes do mercado para cada tipo de pele.

Vem com a gente:

Antes de mais nada, precisamos dar uma informação super importante sobre os esfoliantes. Há dois tipos de esfoliação:

  • Esfoliação física ou mecânica: é feita por produtos que contenham partículas ou grânulos derivados de produtos naturais como sementes.

Tal modalidade promove a esfoliação pelo atrito com a pele.

  • Esfoliação química: é uma esfoliação feita com ácidos como o ácido salicílico e ácido retinóico.

    Tais ácidos atuam para eliminar as células mortas sem qualquer necessidade de atrito.


Em resumo, há produtos que se utilizam apenas de um tipo de esfoliação física ou química. 

Entretanto, há também produtos que se utilizam de ambas modalidades de esfoliação e são indicados para tipos específicos de pele e necessidades.

Seja como for, a esfoliação é muito benéfica para o rosto.

A pele fica ainda mais purificada, iluminada, uniformizada e a produção do colágeno natural será estimulada.

Em outras palavras, o esfoliante para o rosto tem ação direta na firmeza do rosto e ajuda a absorver melhor cremes hidratantes e anti-idade.

Bom demais, não é?

COMO USAR O ESFOLIANTE PARA O ROSTO?

Para esclarecermos essa dúvida recorrente, é preciso compreender que cada tipo de pele tem uma necessidade diferente de esfoliação.

Peles Secas a Muito Seca

A esfoliação, independentemente de ser mecânica ou química, causa uma perda de hidratação. 

Dito isso, sem dúvida, para as peles secas a muito secas as esfoliações são algo a se fazer com muito cuidado e planejamento.

Isso porque, além de perder água, a pele pode ficar irritada com facilidade com esfoliações muito frequentes.

O ideal para esse tipo de peles é apostar numa esfoliação mecânica leve e sempre manter a pele muito bem hidratada.

Frequência ideal para esfoliação desse tipo de pele:

  • 1 vez a cada 15 dias ou 1 vez ao mês.


Nossa sugestão de esfoliante:

Caudalie. Esfoliante Desincrustante

Caudalie Esfoliante: Suaviza e hidrata a pele sem ressecar


Pele Normal a Mista

As peles normais a mistas podem ter uma frequência um pouco maior de esfoliação.

Isso porque a produção de oleosidade é melhor regulada em quem tem esse tipo de pele, o que não prejudicará a hidratação.

As peles mistas podem ser esfoliadas com esfoliantes para o rosto mecânicos e químicos para limpeza das impurezas e promover a iluminação da pele.

Frequência ideal para esfoliação desse tipo de pele:

  • Máximo de 2 vezes por semana.


Nossa sugestão de esfoliante:

Eucerin Dermopure Gel Esfoliante Refinante

Eucerin Dermopure: Purifica e previne imperfeições e acne

Peles Oleosas

Esse tipo de pele é o que mais frequentemente precisa de esfoliação, especialmente se feita com produtos próprios para ela.

Dessa forma, o excesso de oleosidade será reduzido e produção do sebo será regulada.

A esfoliação da pele oleosa também ajudará a uniformizar e eliminar imperfeições da pele.

Os poros serão desincrustrados e fechados e isso evitará o aparecimento de cravos e espinhas.

Frequência ideal para esfoliação desse tipo de pele:

  • Máximo de 3 vezes por semana, desde que não haja inflamação por acne ou dermatite seborréica.

Atenção: ultrapassar a frequência ideal de esfoliação nas peles oleosas, mistas e normais pode causar produção de oleosidade em excesso e desidratação da pele!

Portanto, muito cuidado!


Nossa sugestão de esfoliante:

Neutrogena Visibly Clear. Esfoliante Suavizante

Neutrogena Visibly Clear: Ação seborreguladora e anti-manchas


Peles Acneicas

As peles acneicas merecem um cuidado maior na hora do tratamento, portanto, na esfoliação também não seria diferente.

Primeiramente porque se houver irritação ou inflamação, a pele ficará mais sensível e não poderá sofrer com uma esfoliação mecânica.

Ao fazer esfoliação em uma pele inflamada, o problema da acne pode piorar e, ainda, pode deixar marcas e manchas na pele.

Por isso é recomendado sempre o tratamento das irritações e inflamações por completo antes de fazer qualquer tipo de esfoliação, mesmo a química.

Para esse tipo de pele é normalmente indicado o esfoliante para o rosto com ação química, com produtos que contenham ácido salicílico.

Frequência ideal para esfoliação desse tipo de pele:

  • 1 vez ao mês, com esfoliantes químicos próprios para esse tipo de pele.


Nossa sugestão de esfoliante:

Bioderma Sébium Gel Gommant Esfoliante Pele Mista e Oleosa ou Acneica

Bioderma Sebium Gel Esfoliante: grão da pele mais fino e ação matificante


Peles Sensíveis e Atópicas

Esse tipo de pele, sim, deve cuidar muito com a frequência da esfoliação e com o produto utilizado.

Isso porque qualquer tipo de esfoliação mais forte pode desencadear reações alérgicas e irritações.

Opte sempre por produtos que tenham esfoliação mecânica leve e com fórmulas suaves e hipoalergênicas.

Frequência ideal para esfoliação desse tipo de pele:

  • 1 vez ao mês com produtos próprios para esse tipo de pele.

Nossa sugestão de esfoliante:

La Roche Posay Esfoliante Physiologique Ultrafino

La Roche-Posay Physiologique: limpa e suaviza a pele sensível


Depois dessas dicas, que tal adotar a esfoliação para o rosto na sua rotina de beleza?

Aproveite para clicar aqui e conhecer todos os esfoliantes que temos disponíveis!

São produtos importados, originais e ao melhor preço.

Por falar em limpeza da pele, que tal checar os melhores demaquilantes para cada tipo de pele?

10 Partilhas

Leave a Reply

Your email address will not be published.